Centro Social Nª Srª do Extremo
MISSÃO: “Cuidar e promover a qualidade de vida, com dedicação, partilhando com amor.”

Serviço de Apoio Domiciliário



A resposta social de SAD consiste da prestação de um conjunto de serviços individualizados e personalizados, no domicílio, a indivíduos e famílias que, por motivo de doença, deficiência ou outro impedimento, não consigam assegurar, temporária ou permanentemente a satisfação das necessidades básicas e/ou a execução das atividades da vida diária.

Esta resposta social tem como principais objetivos:

• Proporcionar serviços adequados à satisfação das necessidades e expetativas dos/as clientes;

• Garantir aos/às clientes o seu bem-estar, numa perspetiva holística (considerando as dimensões: física, cognitiva, emocional e social), contribuindo para a promoção da sua qualidade de vida;

• Preservar e promover a rede social de suporte, de forma a favorecer a permanência dos/as clientes no seu meio habitual de vida, contribuindo para atrasar e/ou evitar a institucionalização;

• Contribuir para a prevenção de situações de dependência, promovendo a autonomia do/a cliente na execução das atividades da vida diária.

São destinatários do SAD:

• Pessoas de 65 (sessenta e cinco) anos e mais, cuja situação de dependência não lhes permita satisfazer as suas necessidades básicas e/ou as atividades da vida diária;

• Pessoas de idade inferior a 65 (sessenta e cinco) anos que, por motivo de doença, deficiência ou outro impedimento, não possam assegurar, temporária ou permanentemente, a satisfação das suas necessidades básicas e/ou atividades da vida diária.

O CSNSE assegura a prestação dos seguintes serviços:

• Confeção, transporte e distribuição de refeições;

• Cuidados de higiene e imagem pessoal;

• Higiene habitacional;

• Tratamento de roupas

• Apoio na aquisição de bens/serviços;

• Apoio psicossocial;

• Assistência medicamentosa na medicação prescrita;

• Serviço de Teleassistência;

• Serviço de animação/ socialização;

• Acompanhamento e transporte, a consultas externas e a meios de diagnóstico;

• Orientação ou acompanhamento de pequenas reparações/modificações no domicílio do/a cliente;

• Cedência de ajudas técnicas;

• Acompanhamento médico.

Em concordância com o acordo de cooperação celebrado a 30 de setembro de 2009 ao abrigo do disposto no Artigo 4º, no nº 2, do Estatuto das IPSS, aprovado pelo Decreto-Lei nº 119/83, de 25 de fevereiro, e em conformidade com o preceituado pelo Despacho Normativo nº 75/92 de 20 de maio, o SAD disponibilizado pela Instituição tem uma capacidade máxima para 40 clientes.